Diálogo

Comentários

  1. Muito bom Bella. E todo mundo só aprende a organizar os arquivos digitais após passar por um perrengue. Achei que tinha perdido um dvd com umas fotos importantíssimas de uma viagem (na qual tenho pouquíssimas fotos impressas) e após achar o bendito cujo fiz mais 2 cópias, e ele ainda está armazenado no meu computador e em um HD externo. Como ouvi uma vez de Thales Trigo, essa geração está fadada a não ter memória. Que possamos aprender a não passar por mais “aperreios” dessa era digital.

    1. Thales é meu grande mestre nas profundezas do mundo digital. Ele foi meu professor particular lá em Sampa, me ajudando com informações para a minha dissertação do mestrado… Temos que ouvir essa galera! Mas eu também num sou muito apocalíptica não! Vale o exagero na hora de alertar, mas acredito que vivemos uma fase de transição… cedo ou tarde, por dedicação ou na marra mesmo, a gente aprende direitinho a viver nessa era informática decentemente! 😉

  2. E viva as marcações geográficas também! =D

    Não sei nem o que comentar, tão bem escrito este post… li sem dor nenhuma, e olha que nem sou muito de ler textos assim na internet sem ficar pulando parágrafos quase inteiros direto.
    Pelo visto vale uma espiada nas fontes mais extensas desse pensamento tão coerente. Vou procurar ler o artigo e, quando puder, a tese!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *